domingo, 14 de junho de 2015

O Fim do Mundo

~Publicado originalmente em redes sociais~


Acho o filme injustiçado. Vi comentários na internet considerando ele com uma história ruim e efeitos sofríveis que era surpreendente apenas pra época.

Os efeitos de quando o mundo começa a ser destruído são bem feitos, se utilizaram de grandes maquetes pra isso. Até tem uma cena que parece computadorizada e outra que é uma gravura mal pintada, mas fora essas duas, de resto, tudo muito bem produzido. Hoje em dia quase ninguém mais usa maquete, mas não digo que os efeitos do filme hoje são sofríveis, passa longe disso.

A história é até boa, se compararmos com histórias sobre o fim do mundo. Um cientista descobre que o mundo vai acabar, manda um cara entregar uma mala sem saber do fim, ele descobre sobre o fim e se envolve na história, onde um grupo de pessoas estão construindo uma nave espacial pra 40 pessoas. Tudo bem que o filme viaja em algumas coisas, mas caramba, é um filme de ficção dos anos 50 decente, com bons efeitos e uma história muito melhor que várias de fim do mundo que vemos hoje!

Nota 8

Obs.: TEM BRASILEIRO FALANDO EM PORTUGUÊS DO BRASIL! \o/ A cena em questão acontece durante uma reunião com representantes de vários países. É um festival de línguas diferentes, muito legal, e o Brasil tá no meio. Filme dos anos 50 com moral que um monte de gente por aí que acha que nós falamos espanhol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SOBRE MIM

Minha foto
Em 2008 criei um blog por experiência. Queria saber como era um blog. Inicialmente era apenas para reunir o que eu achava de legal pela internet. Dois anos depois, em 2010, criei meu blog com críticas de filmes, já que, embora eu não seja experiente nesse ramo, gosto de ver filmes, de entendê-los e tal. Em 2014 vieram as mudanças. O blog que reunia o melhor da internet virou um blog de matérias e histórias que eu mesmo escrevo. O blog que continha críticas de filmes, séries, curtas, shows, etc, agora são apenas filmes e séries devido a enorme demanda de conteúdo. Os modos de escrita também estão mudando para melhor. Fiquem ligados para novidades.